Preta, treta, pretinha

Quando as fast fashions começaram a convidar pessoas famosas para assinar suas coleções foi um upgrade imenso. Estreitaram o relacionando da marca com o público, gerando identificação e consequentemente, um aumento significativo de vendas.

Com a C&A não foi diferente. Ao convidar a Preta Gil para representar as gordinhas do Brasil, com peças plus size, foi um verdadeiro sucesso.

O primeiro lookbook foi bem legal, colorido e alto astral. O segundo deram um ar mais glamouroso e, nesta tentativa, retocaram a Preta, emagreceram e deram um tom de pele com efeito carvão de ouro. Foram tantos comentários negativos que pensamos que a C&A pararia por aí. Quando de repente hoje aparece a terceira campanha e faz a gente se sentir participando de uma pegadinha. Quem tirou o ombro da Preta, desconfigurou seu rosto e fez uma photoshopada geral do corpitcho? O pior, como a cantora aceita divulgar essas imagens que nada se parecem com ela?

Dentre todas as críticas no face e blogs, a pior (ou melhor) foi a do Não Salvo. Comparando a Preta com o Shrek, os Minions, entre outros. Oh dó!

Pior que até as roupas estão bem pobrezinhas dessa vez. Como tenho alma plus size e já fui muito consumidora da marca, posso garantir que as estampas e modelos das peças estão mais do mesmo, sem nenhum pingo de tendência. Mas acho que só eu consegui prestar atenção nas roupas.

ImageImageImage

Advertisements

One thought on “Preta, treta, pretinha

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s