Elba Ramalho, sempre um show.

Eu fui para Goiânia dar um beijo na minha vovucha que há 6 meses não via. Meu coração já não batia mais do mesmo jeito. (agora preciso ir para Uberlândia dar um cheiro na outra vózinha que também está me matando de saudades). Quem mandou ter crescido mimada deste tanto. Infelizmente foi um bate e volta tão rápido que não consegui matar as saudades de todas amigas (Mila, Camila, Elisa, Lorena, fico devendo minhas lindezas).

Logo pela manhã, depois de sair para bater perna com a mamys e ganhar 3 vestidos de dia das crianças, meu pai me surpreendeu com o melhor presente de todos: ingressos para o show da Elba Ramalho e Geraldo Azevedo. Minha relação com a música começou no berço, quando meu pai cantarolava para eu dormir De Volta Pro Meu Aconchego. E é assim que me sinto toda vez que vou a Goiânia, toda vez que meu pai me envolve em seu abraço (meu lugar preferido de todos).

Por isso, dei uma passadinha rápida em um almoço que a Carol preparou especialmente para os amigos e depois fui ao show no Jaó. A princípio estava inconformada em ver tanta gente conversando, tirando selfie, andando de um lado pro outro, ao invés de prestar atenção no cantor. Achei muita falta de educação com quem pagou 480 reais por mesa e realmente tinha interesse em estar ali. Mas se eu começasse a reclamar, seria mais uma matraca aberta.

Por isso, quando a Elba começou a cantar Espumas ao Vento meu pai logo sugeriu: Vai lá filha, pode ir. Me levantei e fiquei de pé em frente ao palco (tomando cuidado para não atrapalhar quem estava sentado), mas muito, muito perto desta mulher cheia de energia. Foi aí que ela me viu, se ajoelhou e segurou na minha mão. Fiquei tão emocionada que só consegui dizer eu te amo e ficar ali, com um sorriso de uma orelha a outra, até o final.

O show tem a seguinte dinâmica: começa com os dois, depois 40 minutos de Geraldo (deu um pouquinho de sono), depois 40 minutos de Elba, depois ele volta para cantarem os forrózinhos animados. E como tudo é uma questão de perspectiva. Estar lá atrás sentado, e estar ao lado dela em pé, faz toda diferença. Foi um show inesquecível.

Ah, ela fez uma troca de roupa. Começou com bota pesada, calça de couro preta, regata de malha preta e coletão com franjas dourado. Depois, colocou um vestido bordado com pedrarias lindíssimo e uma sandália trançada altíssima. Sem olhar no google, quantos anos você acha que esta mulher tem?

10460477_10153211766317646_7148068198410106268_n

Advertisements

One thought on “Elba Ramalho, sempre um show.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s